domingo, 24 de maio de 2009

Conheça a Igreja XXV: A Ordem de Santo Agostinho


A Ordem de Santo Agostinho (Ordo Fratrum S. Augustini), foi fundada em 1244, quando, por determinação do Papa Inocêncio IV, vários conventos da região italiana da Toscana que seguiam a chamada Regra de Santo Agostinho se juntaram numa única ordem. Em 1256, como efeito da Bula “Licet Ecclesiae catholicae”, do Papa Alexandre IV, outras ordens e congregações existentes na época se uniram a ela. Nesse momento, os Agostininanos passaram a ser compostos por 180 casas religiosas por toda a Europa.

Os primeiros conventos a formarem a ordem eram remascentes ou oriundos de comunidades antigas fundadas por Santo Agostinho. O famoso bispo de Hipona (cidade do norte da África) fundou algumas comunidades e seus discípulos mis tarde fundaram outras inspiradas em seus ideais.

Mais tarde, a ordem se subdividu, dando origem a outras congregações, como Os Agostinianos Recoletos (fundados em 1588 e tornados independentes em 1912) e os Agostinianos Descalços (fundados em 1592 e tornados independentes em 1936). Na ordem há os ramos masculino, feminino e uma ordem terceira.

Os Agostinianos chegaram ao Brasil em 1693, quando os Agostinianos Reformados da Observância de Portugal se estabeleceram em Salvador, onde permaneceram até 1824. Em 1899 um novo grupo de Agostinianos chegou ao Brasil vindo das Filipinas e desde então espalhou-se pelo país. Hoje a ordem tem destacada atuação na área educacional, sendo mantenedora de diversos colégios.

Entre os membros mais conhecidos da Ordem de Santo Agostinho estão Santa Rita de Cássia, os papas Adriano IV e Eugênio IV, o cientista Gregor Mendel e... Martinho Lutero.

Para saber mais:
Site Oficial Internacional
Vicariato de Nossa Senhora da Consolação do Brasil
Vicariato do Santíssimo Nome de Jesus do Brasil
Província Santa Rita de Cássia (Agostinianos Recoletos)

Um comentário:

Dani disse...

Gostei de conhecer!
um abraço!

"O que pode temer o filho nos braços do Pai?"

São Pio de Pietrelcina