terça-feira, 17 de março de 2009

Feliz Dia de São Patrício!

Hoje, 17 de março, é Dia de São Patrício, o padroeiro da Irlanda. Magnonius Sucatus Patricius (ou Naomh Pádraig em gaélico) nasceu provavelmente no ano 385, da ilha da Bretanha, talvez onde hoje se localiza o País de Gales. Sua família era de origem romana e de formação cristã, numa Bretanha ainda fortemente dominada pela religião celta.

Aos 16 anos de idade, Patrício foi raptado por piratas e vendido como escravo na Hibérnia, a ilha que hje conhecemos pelo nome de Irlanda.

Durante seis anos ele serviu como pastor. Nesse período, longe da família, escavizado em meio a estranhos, voltou-se mais e mais para Deus.

Em sua autobigrafia, "Confissão", ele afirma que "O amor e o temor a Deus cresceram mais e mais em mim, assim como a fé, e minha alma estava elevada, tanto que, em um único dia, eu rezei uma centena de preces, e à noite, quase o mesmo. (...) Eu rezava nas florestas e na montanha, antes mesmo da aurora. A neve, o gelo ou a chuva não me feriam."

Quando tinha 22 anos, Patrício estava em um navio que transportava carga e que foi atacado. Novamente vendido como escravo, foi libertado por uma família cristã. Isso permitiu que conseguisse voltar para sua família, mas logo decidiu-se a seguir a carreira eclesiástica. Patrício ingressou num monastério onde também estava São Germano de Auxerre. Lá, fez-se padre e mais tarde foi ordenado bispo. Recebeu então uma missão do papa Celestino I: retonar à terra de seu cativeiro e evangelizar a Irlanda.

Lá teve muitos conflitos com os druidas, os sacerdotes da religião pagã então mais importante da ilha. Há histórias famosas a seu respeito. Segundo uma delas, para explicar a idéia da Santísima Trindade aos celtas politeístas, usou um trevo como exemplo - e essa seria a origem de um dos mais famosos símbolos da Irlanda. Outra história famosa refere-se à expulsão das cobras do país.

Hoje a Irlanda é um dos países mais católicos do mundo - rivalizando com Itália e Polônia nesse quesito (infelizmente o Brasil nem chega perto). Sua população é fervorosa e a religião está muito presente na vida dos irlandeses. A maioria dos países de origem anglo-saxã segue a tradição de celebrar o Dia de São Patrício.

Há no Youtube um interessante desenho animado, dublado em português, sobre a vida do santo irlandês:

Parte 1
Parte 2
Parte 3

Sanctus Patricius, ora pro nobis.
São Patrício, rogai por nós!

Um comentário:

L. Henrique S. Sebastião disse...

Parabéns pelo belíssimo trabalho! Ah, se todos os católicos fossem como vocês, apaixonados pela Igreja, interessados em divulgar as suas preciosidades... Continuem sempre com esta obra virtual tão simpática e importante, que Deus abençoe a cada um de vocês e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo seja com todos!

"O que pode temer o filho nos braços do Pai?"

São Pio de Pietrelcina